Boas vindas

Sejam bem vindos!

Este blog tem por objetivo prestar auxílio aos interessados em conhecer um pouco a respeito dessa área de estudo tão fascinante que é a Psicopedagogia, compreender como se dá a aprendizagem, bem como, as dificuldades encontradas durante esse processo. Além de sugestões e atividades para a intervenção Psicopedagógica e no Atendimento Educacional Especializado (sala de Recursos Multifuncionais).


10 de abr de 2010

Transtornos perceptivos

Dando seguimento ao tema dificuldades de aprendizagens, elaborei um breve resumo a respeito dos transtornos que podem surgir quando ocorrem problemas nos processos neuropsicológicos, e sugestões de algumas atividades.
AGNOSIAS
É a impossibilidade de reconhecer um objeto por meio da percepção. São divididas em visuais, auditivas e táteis.

Agnosias visuaisEsta alteração ocorre em pessoas que mesmo tendo a visão perfeita, não conseguem identificar o que vêem, ou seja, é preciso que toquem no objeto para reconhecê-lo. Este tipo de agnosia afeta habilidades importantes como:
  • Atenção visual - capacidade de fixar a atenção em um estímulo percebido visualmente.
  • Discriminação visual - capacidade em perceber as diferenças entre objetos de formas similares ou letras de grafia semelhante.



  • Diferenciação figura-fundo - capacidade em focar sua atenção apenas no que é relevante.

    Nesta atividade pode-se usar obras como a de Wassily Kandinsky (1911).
    QUAIS FIGURAS GEOMÉTRICAS VOCÊ RECONHECE NAS OBRAS ABAIXO?


  • Constância visual - capacidade de perceber as propriedades dos objetos de forma constante.



  • Coordenação visomotora - capacidade de coordenar a visão com movimentos do corpo ou de uma parte do corpo.

 
Atividade para coordenação viso-motora com recortes:

Apresentar ao aluno as figuras abaixo e solicitar que reproduzam por meio de recorte e colagem. O aluno deverá recortar papéis de várias cores e colá-los em uma folha sulfite de forma que fiquem iguais as figuras apresentadas.


UMA SUGESTÃO PARA TODAS AS FAIXAS ETÁRIAS É O JOGO DOS 7 ERROS, POIS AUXILIA NO DESENVOLVIMENTO DE TODAS AS HABILIDADES PERCEPTIVAS VISUAIS.

APROVEITE E JOGUE TAMBÉM, EXERCITE SUA MENTE!!!
 
Agnosias auditivas
É o defeito na capacidade de reconhecer a natureza dos estímulos auditivos sejam eles sons verbais, musicais ou sons que não pertencem a língua. Afetam as seguintes habilidades:
  • Atenção auditiva - capacidade de fixar a atenção em um estímulo percebido auditivamente.
Atividades
1-Pedir às crianças que descrevam, repitam ou imitem sons escutados fora da sala de aula:
Sons de sino
Pessoas caminhando
Cachorro latindo
Campainha do telefone
2- Dar a elas a oportunidade de ter períodos curtos nos quais escutem em silêncio poesia, histórias e canções.


  • Discriminação auditiva - capacidade em diferenciar a similaridade ou diferenças entre os sons que formam a língua oral.
Trabalho com rimas
Dominó com rimas

Trabalho com som inicial ou som semelhante




  • Diferenciação figura-fundo - capacidade em focar sua atenção apenas no que é relevante. Neste caso, estamos falando sobre focar a atenção em somente um som.
Atividades1-Tocar duas músicas diferentes, ao mesmo tempo, e pedir que as identifique.
2- Trabalhar com vários sons misturados (buzina, cachorro latindo, água caindo,etc.).


  • Memória auditiva - capacidade de recordar estímulos auditivos.
Atividades
1-Fazer com que as crianças antecipem os sons ou palavras das histórias, poesias ou canções.
2-Fazer com que as crianças com olhos fechados identifiquem sons.
3- Pedir às crianças que reconheçam sons similares ao início, meio e final das palavras.
Agnosias táteis
É a incapacidade de reconhecer os objetos através do tato, tendo dificuldade em distinguir a temperatura, textura e em reconhecer de objetos em três dimensões.

Atividades
Dominó para percepção visual e tátilAuxilia na discriminação visual e tátil das quantidades.
Sua espessura foi aumentada para que as crianças que possuem preensão prejudicada possam manuseá-lo. A identificação da quantidade, em feltro, permite utilizar a sensibilidade tátilsinestésica. A cor vermelha sobre o marrom permite um bom contraste visual.
Descrição:
Dominó de madeira,
medindo 9 cm de
comprimento, 4 cm de
largura e 0,5 cm de
espessura. A
identificação da
quantidade é feita com
feltro vermelho.

Dominó de figuras geométricas
Permite a discriminação visual e tátil das figuras geométricas. O jogo pode ser manuseado sob a carteira ou na posição “em pé”, permitindo movimentos de flexão e extensão de braços. As peças com imãs facilitam a fixação sobre o tabuleiro, principalmente, aos alunos com dificuldade no manuseio.
Descrição:
Este dominó é de madeira e
possui as figuras geométricas
(círculo, quadrado, triângulo)
em relevo, pintadas nas
cores azul, vermelho,
amarelo e verde. Sob cada
peça foi colada um imã. As
peças são utilizadas sobre
um tabuleiro de latão
revestido com papel contact.

Dominó de texturas
Permite o desenvolvimento da discriminação visual de padrões e discriminação tátil, requisitos importantes para alunos que tenham alterações sensoriais e dificuldades para discriminar, perceptualmente, estímulos visuais. Pode ser utilizado para viabilizar a alfabetização, que exige discriminação apurada de símbolos na forma gráfica.
Descrição:
Confeccionado em madeira
com aplicação de diferentes
tecidos: lã, veludo, malha,
brim e seda.

Jogo de adivinhação
Permite trabalhar com percepção tátil sinestésica, discriminação e identificação de formas e texturas. Dentro da caixa coloca-se um material com determinada textura ou forma e a criança deverá reconhecê-lo e procurar o correspondente fora da caixa.
Descrição:
Recurso composto por uma
ciaxa de madeira, com uma
abertura na lateral, em forma
de círculo, onde é fixado um
pé de meia de jogador de
futebol. No fundo da caixa é
colada uma tira de câmara de
ar de bicicleta, que serve como
antiderrapante e que ajuda a
fixar a caixa sobre a mesa.

Dominó de percepção manual


Fonte:http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/rec_adaptados.pdf
Livro:Dificuldades de aprendizagem,detecção e estratégias de ajuda.
Autoras:Ana Maria Salgado (Psicóloga)
Nora Espinosa Terán (Psicóloga)

6 comentários:

  1. Blog maravilhoso!!!! Cheio de dicas e ensinamentos excelentes para todos os profissionais que lidam com diagnóstico e mediação. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. adorei. quero saber de posso atender crianças com dificuldades apenas com pos em psicopedagogica e orientação educacional ou tenho que fazer clinico

      Excluir
  2. Adorei.gostaria de saber se somente com o curso pos em "psicopedagogia e orientação educacional eu posso atender crianças com dificuldades em associações de crianças com deficiencias juntamente outros profissionais como psicologos.ou se tenho que ter o clinico?
    Quero trabalhar e tenho essa duvida!...
    meu email- maraluciaalvarenga0509@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Mara, para o atendimento clínico é necessário que você tenha a pós em Psicopedagogia Clínica e que faça supervisão, ou seja, que comece a atender sendo supervisionada por uma Psicopedagoga com experiência.
    Você vai perceber a necessidade de fazer outros cursos para conhecer mais a fundo as dificuldades de aprendizagem, mas isso é passo a passo.
    Caso você queira atender também crianças com deficiência aconselho a fazer também cursos voltados para esta área, pois embora sejam utilizados muitos recursos semelhantes nas dificuldades e nas deficiências, o objetivo é bem diferente.
    Nada é da noite para o dia, é preciso dedicação e gostar muito do que faz, mas vale a pena e quando perceber já estará atendendo.
    Boa sorte!!!

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito do seu blog pois estou iniciando a pós em psicopedagogia e vi muita coisa interessante nele.Parabéns você parece ser uma profissional muito dedicada!!

    ResponderExcluir